IPVA 2019 MS

Veja a tabela de valores do IPVA 2019 MS e saiba como funciona o pagamento

O Imposto sobre a Propriedade de Veículo Automotor (IPVA) já começou a ser cobrado em Mato Grosso do Sul em 2019.

Os veículos que têm até um ano de fabricação estão liberados e os que escolherem pagar em uma parcela só têm 15% de desconto.

Saiba mais sobre como será organizado o IPVA sul-mato-grossense esse ano.


Como funciona o IPVA MS

Esse imposto está relacionado a cada veículo e não a cada motorista, ou seja, um lugar que tenha 4 carros terá esse mesmo número de IPVA a pagar.

O recolhimento é de responsabilidade do governo do Estado, mas não é esse órgão que fica com a maior parte do arrecadamento e sim a prefeitura: metade do imposto pago é destinado ao município e a outra metade é dividida entre o estado e a união.

A aplicação do imposto arrecadado não é exclusiva para o setor de trânsito: várias secretarias têm suas contas quitadas e investimentos feitos devido ao IPVA recolhido.

IPVA 2019 MS


Como consultar o valor do IPVA MS 2019?

Qualquer proprietário pode acessar o site do Departamento Estadual de Trânsito (DETRAN) do Mato Grosso do Sul e consultar quanto precisam pagar de imposto.

Para essa consulta, o passo a passo é:

Em caso de dificuldade para acessar a consulta virtual, é necessário que o cidadão vá ao DETRAN pessoalmente com os documentos do carro e emita a sua guia.

Ficar esperando que o site volte a responder pode fazer com que a pessoa atrase o seu imposto e tenha consequências sérias, como a cobrança de juros e a inclusão na Dívida Ativa.


Dívida Ativa IPVA MS

A dívida ativa é um dos arquivos do governo estadual e ela reúne os bens que estão com as parcelas bastante atrasadas.

Por isso, o proprietário que está com o seu IPVA atrasado por vários meses pode entrar para a lista ativa, o que significa que é imprescindível fazer logo uma negociação.

O governo estadual realiza parcelamentos extras para que o proprietário possa resolver o atraso no imposto.

Caso não seja suficiente, o bem pode ser tomado pela financiadora ou mesmo pela Secretaria da Fazenda; depois disso, é feito o leilão desse veículo.

É simples para quem mora em Mato Grosso do Sul saber se o seu veículo já faz parte da dívida ativa.

Basta acessar https://servicos.efazenda.ms.gov.br/dia/DividaAtiva/PortalContribuinte e seguir a orientação abaixo:

  • Escolha entre CNPJ, CPF e IE;
  • Coloque o número desse documento;
  • Forneça o código;
  • Clique em “consultar”

No caso de o veículo estar dentre a dívida ativa, o proprietário deste precisa aderir a uma negociação pelo próprio site ou buscar a Secretaria da Fazenda sul-mato-grossense.


Valor IPVA 2019 MS

Para os caminhões de carga, motocicletas e ônibus de passageiros, a taxa do IPVA em 2019 é de 2%. Para os utilitários e os carros de passeio, o valor é mais alto: 3,5%; já qualquer veículo que use diesel e que tenha 8 lugares paga 4,5% de imposto.

Ressalta-se que os veículos com até um ano não pagam IPVA, menos as motos: para elas, há cobrança de metade do valor.

Os valores da alíquota em Mato Grosso do Sul são atualizados todos os anos: é claro que não é sempre que ocorre aumento, mas os reajustes são comuns.


Tabela da pagamento IPVA 2019 MS

O IPVA MS de 2019 pode ser pago à vista até 31 de janeiro.

O parcelamento máximo é em 5 vezes e sem qualquer tipo de desconto: a primeira parcela será em 31 de janeiro e a última em 31 de maio.

Importa mencionar como não atrasar as parcelas é essencial: muitas das pessoas que perdem o veículo passam por isso porque atrasaram alguma parcela e ela se juntou à do mês seguinte.

No caso de a pessoa ter certeza de que não conseguirá pagar aquela parcela do IPVA 2019, é mais seguro contatar a Secretaria da Fazenda e pedir orientações sobre renegociação imediatamente.

IPVA 2019 MS


O que acontece se o IPVA MS 2019 não for pago?

A perda do veículo é a pior consequência: como já citado aqui, ele pode ser leiloado.

Entretanto, ainda tem mais prejuízos para a pessoa que não paga o IPVA corretamente e uma delas é o seu nome ser colocado na lista de “nomes sujos”.

Ainda que o veículo seja leiloado, o ex-proprietário terá de pagar as parcelas de IPVA que caberiam a ele.

Mesmo que a pessoa não atrase o suficiente para que seu veículo seja leiloado, ela terá o prejuízo de não poder fazer o licenciamento anual.

Se dirigir sem esse documento, o cidadão recebe 7 pontos na carteira e precisa pagar multa por infração gravíssima, tratando-se de um montante de R$ 293,47.

Links Patrocinados

DetranBR

O DetranBR é um site não-oficial e não possui qualquer vínculo com os Detrans. A página tem como objetivo informar e esclarecer dúvidas sobre o os serviços oferecidos pelo órgão.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *